REGRESSO AO PARAÍSO

Estudos sobre a redenção do mundo

OpenAccess.png CCBy.png

Read more
Limited special offer
€15.03 €16.70
SALE-10%
Overview

A presente obra inclui trabalhos de investigação realizados para colóquios e revistas, desenvolvidos e ordenados sob o tema escatológico da redenção do Mundo e da esperança de integração humana na vida eterna de Deus. O tema é tratado a partir de uma perspetiva filosófica e teológica no contexto da noção clássica de restauração da unidade original do Ser. Sob a representação simbólica e metafórica do regresso ao paraíso, este estudo apresenta o pensamento de alguns poetas, filósofos e teólogos da cultura portuguesa sobre as seguintes questões religiosas: criação divina do mundo, segunda vinda de Cristo, juízo final, ressurreição dos mortos, glorificação dos corpos, redenção do mal, imortalidade da alma e restauração universal ou apokatástasis. NOTA PRÉVIA Nota Prefacial de José Carlos Francisco Pereira Introdução – Regresso ao Paraíso Celestial 1. Âmbito epistemológico: para uma reflexão filosófica sobre a noção religiosa de «Paraíso» 2. A correlação entre transcendência e imanência no «regresso ao Paraíso» 3. O «Paraíso» como plenitude da presença escatológica de Deus na História do Mundo 4. A corporeidade espiritual da realidade redimida por Deus 5. A restauração e a consumação universal do Mundo na glória do Paraíso Celestial PARTE I – Visões poéticas e saudosas da beleza eterna do Paraíso Capítulo 1 – A saudade da terra do Paraíso na poesia religiosa de António Correia de Oliveira 1.1. A saudade da terra do Paraíso 1.2. A Graça da Criação 1.3. A Glória da vida 1.4. A Dor da paixão e morte 1.5. O regresso ao Paraíso Celestial Capítulo II – A estética do mistério e da beleza eterna na filosofia e na poesia de Jaime Cortesão 2.1. A arte como redenção do mundo ou fuga do mundo? 2.2. O fundamento ontológico do Universo é de ordem moral e espiritual 2.3. Movimento saudoso do Universo para a Origem ideal do Bem 2.4. A escuta do Mistério divino da Vida 2.5. A redenção escatológica e a vida paradisíaca de eterna Beleza Capítulo III – A estética da redenção escatológica na filosofia de Raul Proença 3.1. O acordo emotivo da arte como reflexo social e psicológico de um povo 3.2. O amor e o sofrimento como fontes da atividade espiritual 3.3. A estética da ânsia de Deus e da imortalidade 3.4. O retorno como ressurreição pessoal para a vida em Deus e não como regresso à mesma vida terrena 3.5. A transcendência de Deus como condição da salvação paradisíaca do homem PARTE II – Teorias filosóficas e teológicas sobre a esperança escatológica no Paraíso Celestial Capítulo IV – Do Paraíso Terreal ao Paraíso Celestial na obra do padre António Vieira: o Juízo Final como condição da salvação e condenação eternas 4.1. A configuração mítica do real e a consumação do reino de Cristo na terra 4.2. A noção milenarista do Quinto Império 4.3. A providência divina e a graça da salvação eterna 4.4. A realidade escatológica do fim dos tempos 4.5. A visão apocalíptica acerca da realidade eterna do paraíso e do inferno 4.6. A continuidade entre o Paraíso Terreal e o Paraíso Celestial Capítulo V – A justiça de Deus e a imortalidade da alma em frei José de Jesus Maria Mayne 5.1. O legado da relação entre a fé e a ciência 5.2. A verdade da imortalidade fundamenta-se na lei natural e é extraída da razão 5.3. A justiça divina: salvação e condenação eternas 5.4. A salvação imortal das almas é certificada por razões de conveniência 5.5. A demonstração racional da imortalidade da alma apartada do corpo 5.6. As almas são distintas da substância divina e não foram criadas antes da existência dos corpos Capítulo VI – Da experiência atemática do mistério à teologia filosófica da salvação universal em Álvaro Ribeiro 6.1. A experiência atemática do Mistério como ponto de partida para a inteligibilidade racional de Deus 6.2. A relação entre a Teologia e a Filosofia, a fé e a razão, na conciliação entre a autonomia do Mundo e a presença providencial de Deus 6.3. A razão animada, na unidade de sensação, intuição, inteleção e emoção, para a relação espiritual com o sobrenatural 6.4. A colaboração do homem, pelo pensamento e pela oração, na criação redentora do Mundo 6.5. A relação entre a ciência, a filosofia, a ética, a estética e a religião na adesão ao Mistério de Deus e à Graça da Criação 6.6. A redenção escatológica: a morte como libertação para a imortalidade do Paraíso através do mistério da ressurreição EPÍLOGO – A saudade metafísica do paraíso e a redenção do mundo Capítulo VII – A restauração do mundo e o regresso ao paraíso em São Paulo de Teixeira de Pascoaes e em São Francisco de Leonardo Coimbra 7.1. A saudade metafísica do Paraíso 7.2. A loucura da Cruz na adesão mística e no labor intelectual e moral de remissão dos pecados em Paulo de Tarso e Francisco de Assis 7.3. A Criação como crime e pecado de Deus, cujo desejo de redenção surge do remorso e se realiza, pela saudade da origem, no calvário da penitência 7.4. O cristianismo como religião concebida por São Paulo para a redenção da criação material na lembrança e desejo de regresso à Origem do Paraíso perdido 7.5. A visão franciscana da Vida e do Criador 7.6. A visão ginástica sobre a Presença escatológica de Deus no Mundo Origem dos estudos

Read more
Abstract
Contents
Reviews
No comments

Leave a review

  • Quality:
Describe this product using simple and short words.
Upload images:
Drop images here or click to upload.
Product Details
9789725404423

Data sheet

ISBN
9789725404423
Date
12-2014
Edition
Publisher
UCE
Pages
240
Kind of product
Book
Language
Portuguese
Thematic Classification
Artes e Humanidades » Filosofia
Serie
Biblioteca de Investigação
Related products
Recently Viewed

Menu

Create a free account to use wishlists.

Sign in